14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Gastronomia

Portimão - Festival da Sardinha tem propostas para toda a família até domingo

 

A partir desta quarta-feira,7 de agosto, e até ao próximo domingo, dia 11, a sardinha assada volta a ser reinar na zona ribeirinha de Portimão, em cinco noites de boa comida e muita animação, numa festa de cariz popular que marca o Verão algarvio desde a década de 1980.

 

Para dar o mote a um dos mais famosos certames gastronómicos da região, teve lugar hoje de manhã uma recriação da descarga da sardinha que evocou as atividades ligadas à faina dos homens do mar e que atraiu alguns milhares de espetadores, muitos deles estrangeiros, tendo culminado numasardinhada popular. Este programa integrou a emissão especial “Festa da Sardinha”, transmitida em direto de Portimão pela RTP 1 ao longo do dia.

 

O arranque do 25º Festival da Sardinha está marcado para as 18h30 de amanhã, 7 de agosto, decorrendo a abertura oficial no Jardim 1º de Dezembro, com animação musical e arruada até ao recinto do evento, a cargo da Banda da Sociedade Filarmónica Portimonense e da Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Portimão, a que se seguirá visita ao certame e jantar típico/sardinhada.

 

Até domingo, 11 de agosto, as rainhas da festa, acompanhadas com batata cozida e salada à algarvia, podem ser degustadas num dos restaurantes parceiros do festival- À Ravessa, Casa Bica, Dona Barca, Forte e Feio, O Meco, Peixarada, Retiro do Peixe Assado, Ú Venâncio e Zizá, com mais de dois mil lugares sentados

 

Uma das novidades desta edição é o facto de o recinto do Festival transitar para uma zona próxima do Clube Naval de Portimão, onde os grelhadores voltam a perfumar os ares com o característico aroma das sardinhas assadas na brasa, que poderão ser degustadas, no prato ou numa fatia de pão, nos pontos de venda a cargo das seguintes coletividades locais: Boa Esperança, Clube União, Gejupce e Alvorense. O ‘prato festival’ custará 8,50 euros, com cinco sardinhas assadas, pão, batata cozida e salada à algarvia, sem bebida. Estes quatro espaços assegurarão outras propostas e petiscos alternativos à sardinha, a par dos expositores de agroalimentar que tomam parte no evento.

 

MÚSICA E ANIMAÇÃO

 

No Palco Principal, que este ano será montado junto ao Clube Naval, irá dominar a boa música, sempre a partir das 22h00, com o seguinte alinhamento: 7 de agosto - Amor Electro; 8 de agosto - Bárbara Bandeira; 9 de agosto - Marco Rodrigues; 10 de agosto - C4 Pedro; 11 de agosto - Expensive Soul.

 

Mas toda a zona ribeirinha da cidade, entre o Museu de Portimão e a área entre pontes, estará repleta de outros motivos de interesse, do artesanato à doçaria, com muita animação de rua e música a cargo de bandas e artistas da terra, que atuarão no Jardim 1º de Dezembro (18h30 às 19h30), no Coreto da Praça Manuel Teixeira Gomes (19h30 às 20h30) e no Palco Sardinha, na zona de restauração (20h30 às 21h45).

 

Junto à antiga Lota de Portimão, o Petinga Park proporcionará, entre as 18h30 e as 24h00, um espaço inteiramente dedicado às famílias, com insufláveis e atividades diversas para todos, totalmente gratuitas, sem esquecer a roda gigante, com 38 metros de altura, que domina a paisagem.

 

Realce ainda para o facto de o Museu de Portimão adaptar o seu horário de funcionamento nas datas do festival, abrindo portas de quarta-feira a domingo entre as 15h00 e as 23h00, sendo que no último dia do Festival a entrada será livre das 15h00 às 19h00. De referir que a mostra “Passear pela História” será inaugurada às 19h00 de 10 de agosto na Praça Manuel Teixeira Gomes, onde ficará patente até 29 de setembro.

 

O Festival da Sardinha é uma organização da Câmara Municipal de Portimão, em parceria com a Administração dos Portos de Sines, Junta de Freguesia de Portimão, EMARP – Águas e Resíduos de Portimão, Algar e Zomato, tendo o patrocínio da Sagres, Delta Cafés e Socialgar Seguros, e o apoio do Turismo do Algarve, enquanto a Alvor FM será a rádio oficial.

 

PROGRAMA MUSICAL

 

Palco Principal(22h00)

Junto ao Clube Naval de Portimão

Dia 7 - Amor Electro

Dia 8 - Bárbara Bandeira

Dia 9 - Marco Rodrigues

Dia 10 - C4 Pedro

Dia 11 - Expensive Soul

 

Música no Jardim(18h30-19h30)

Jardim 1.º de Dezembro, em frente ao Teatro Municipal de Portimão

Dia 7 - Baterias, baixos e companhias, direção musical de Vasco Ramalho e Bruno Vítor

Dia 10 - Duo da Orquestra de Jazz do Algarve

Dia 11 - Agrupamento de Música de Câmara da Orquestra Clássica do Sul

 

Música no coreto(19h30-20h30)

Coreto da Praça Manuel Teixeira Gomes

(Iniciativa conjunta com a Junta de Freguesia de Portimão)

Dia 7 - Pinto & Vitor

Dia 8 - Vasco Ramalho Trio

Dia 9 - Renato Reis

Dia 10 - Laundge Sax

Dia 11 - Simple Song Band

 

Palco Sardinha(20h30-21h45)

Zona de restauração junto ao palco principal (recinto do Festival)

Dia 7 - Eduardo Viegas (música luso-brasileira)

Dia 8 - Brasa Doirada (grupo musical de cante alentejano)

Dia 9 - Os Compotas (groove efunk)

Dia 10 - João Leote (fado)

Dia 11 - Nuno Duarte (acordeão)

 

Toda a programação do 25º Festival da Sardinha de Portimão poderá ser consultada em www.festivaldasardinha.pt

 

 

Dom Alimado - O Cozido à Portuguesa vai de férias, mas promete regressar em Setembro

 

Já são habituais os menus temáticos no Dom Alimado e a quinta-feira é famosa pelo seu delicioso Cozido à Portuguesa, no entanto tal como muitos dos portugueses o nosso cozido também vai de férias em Agosto, dando lugar aos nossos saborosos grelhados no showcooking! O cozido promete regressar no dia 5 de Setembro, delicioso como sempre.

 

No entanto quem não tira férias este ano é o nosso Brunch Buffet aos Domingos, sempre com animação para os mais novos, deliciosas panquecas e ovos benedict e o nosso Buffet do Pescador com Mariscos e Peixes inspirados nos pratos típicos algarvios.

 

Negrais recebe Festival do Leitão

 

O Festival do Leitão de Negrais, uma iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Sintra e União de Freguesias de Almargem do Bispo, Pero Pinheiro, e Montelavar, realiza-se de 26 a 28 de julho, no Largo do Rossio, nos Negrais.

 

Este festival tem por objetivo a promoção do leitão como produto gastronómico, embaixador de costumes e tradições e um dos suportes económicos da atividade empresarial da freguesia pelo público em geral.

 

Este evento conta com a participação dos vários restaurantes e pontos de venda a retalho que em Negrais se dedicam à preparação tradicional desta famosa iguaria sintrense.

 

Horário:

Dia 26 de julho – sexta feira - das 18h00 às 24h00

Dia 27 de julho – sábado – das 12h00 às 24h00

Dia 28 de julho – domingo - das 12h00 às 22h00

 

Portimão - Festival da Sardinha arranca com reconstituição histórica e novidades no recinto

 

 

De 7 a 11 de agosto, a sardinha volta a ser a rainha da festa na zona ribeirinha de Portimão, em cinco noites de boa comida e muita animação musical, numa festa de cariz popular que marca o Verão algarvio e que no ano passado atraiu 50 mil visitantes em recinto aberto.

 

Antes, no dia 6 de agosto, véspera da abertura oficial do certame, está agendada uma grande surpresa: será feita uma reconstituição histórica da descarga da sardinha, na qual participarão grupos de teatro locais, em conjunto com o Museu de Portimão. Esta viagem ao passado, com trajes, dizeres e meios de transporte de há largas décadas, contará com uma mega sardinhada popular, integrada num programa “Festa da Sardinha” que será dinamizado com a RTP1, e que nesse dia será transmitido em direto de Portimão a partir das 10h00.

 

A 7 de agosto arranca um dos maiores certames gastronómicos do Algarve, durante o qual as rainhas da festa, acompanhadas com batata cozida e salada à algarvia, podem ser degustadas num dos sete restaurantes parceiros do festival: À Ravessa, Casa Bica, Dona Barca, Forte e Feio, O Meco, Retiro do Peixe Assado, Ú Venâncio e Zizá. Todos os estabelecimentos exibirão nas respetivas entradas a insígnia “Aqui há Sardinha!”, disponibilizando mais de dois mil lugares sentados para degustar este ex-libris portimonense.

 

Uma das novidades desta edição é o facto de o recinto transitar para uma zona próxima do Clube Naval de Portimão, de forma a solucionar alguns condicionamentos de espaço que se verificaram em anteriores edições. Será aí que irá dominar a boa música e animação, sempre a partir das 22h00, com o seguinte alinhamento: 7 de agosto - Amor Electro; 8 de agosto - Bárbara Bandeira; 9 de agosto - Marco Rodrigues; 10 de agosto - C4 Pedro; 11 de agosto - Expensive Soul.

 

Será ainda e justamente nesta zona que terá lugar outra das novidades deste ano: a possibilidade de a Sardinha no prato e no pão ser consumida no recinto do Festival, onde funcionarão quatro pontos de venda, a cargo das coletividades locais Boa Esperança Atlético Clube, Clube União Portimonense, Gejupce e Grupo Desportivo e Recreativo Alvorense.

 

Festival alia tradição e animação para toda a família   

  

Toda a zona ribeirinha da cidade, entre o Museu de Portimão e a zona entre pontes, estará repleta de motivos de interesse, do artesanato à doçaria, com muita animação de rua e música a cargo de bandas e artistas da terra,em quatro locais distintos – no palco sardinha, em plena zona de restauração do recinto do festival, a anteceder os concertos no palco principal, no coreto da Praça Manuel Teixeira Gomes, no Jardim 1º de Dezembro e no “Petinga Park”, junto à antiga lota, onde os mais pequenos poderão desfrutar a título gratuito de insufláveis e diversas atividades lúdicas. Também no recinto do Festival será possível apreciar as margens do rio Arade, a zona ribeirinha de Portimão e o centro da cidade subindo a 38 metros de altura na roda gigante.

 

O Festival da Sardinha 2019 é uma organização da Câmara Municipal de Portimão, em parceria com a Administração dos Portos de Sines, Junta de Freguesia de Portimão, EMARP – Águas e Resíduos de Portimão, Algar e Zomato, tendo o patrocínio da Sagres, Delta Cafés e Socialgar Seguros, e o apoio do Turismo do Algarve, enquanto a Alvor FM será a rádio oficial.

 

Toda a programação do Festival da Sardinha poderá ser brevemente consultada em www.festivaldasardinha.pt.

 

 

Festival do Caracol em Nafarros

 

O pavilhão de Nafarros vai receber a 4.ª edição do Festival do Caracol, de 24 e 28 de julho, o maior certame do concelho de Sintra inteiramente dedicado aos amantes desta iguaria.

 

Além da gastronomia, o Festival do Caracol conta, ainda, com artesanato e animação musical.

 

A iniciativa, um marco na programação cultural e recreativa desta localidade, é promovida pela Liga dos Amigos da 3.ª Idade “Os Avós” e pela União Desportiva Cultural de Nafarros, e conta com o apoio da Câmara Municipal de Sintra de Sintra.

 

União Desportiva e Cultural de Nafarros
Rua da Tomadia, 2710-415 Sintra

 

Vinhos de Portimão à prova na Praia da Rocha

 

 

Vinhos de Portimão e muita animação. É esta a receita para mais uma edição do Portimão Wine Tasting que se realizará de sexta-feira, dia 19 de julho, a domingo, dia 21, na Fortaleza de Santa Catarina.

 

Durante três dias os visitantes terão oportunidade de provar e comprovar a excelência e o requinte dos vinhos produzidos em Portimão num ambiente sofisticado e descontraído, com a Fortaleza, o Rio Arade e a Praia da Rocha como pano de fundo.

Quinta da Penina, Herdade dos Pimentéis e a Aveleda carregam o estandarte dos vinhos de Portimão num evento repleto de animação, que é já uma referência no verão de milhares de turistas e residentes na região.

 

O Portimão Wine Tasting terá entrada livre e decorrerá entre as 20h00 e as 00h00.

 

A ATP – Associação Turismo de Portimão, organiza pela sexta vez consequtiva esta incitava, no âmbito da sua estratégia de promoção e posicionamento do enoturismo enquanto eixo prioritário para reforçar Portimão enquanto destino turístico de qualidade, diferenciador e sustentável. O enoturismo local é visto como um produto complementar ao já consolidado sol e mar, e como uma das formas para combater a sazonalidade do turismo na região.

 

O Portimão Wine Tasting conta com o apoio da Câmara Municipal de Portimão.

 

 

Está de regresso o Festival do Pão de Mafra

 

 

Está de regresso o Festival do Pão de Mafra!

 

Venha pôr a “mão na massa”! Este é o mote do 9.º Festival do Pão, que abre as portas a partir das 18h30 do dia 5 de julho e se prolonga até 14 de julho, decorrendo no magnífico cenário do Jardim do Cerco, contíguo ao Palácio Nacional de Mafra. Nesta edição de 2019, o evento é interativo, desafiando o público a participar em diversificadas atividades, e ambientalmente sustentável, pretendendo-se reduzir a pegada ecológica.

 

Ao longo de 10 dias, este festival homenageia oPão de Mafra, cuja venda pelas ruas da capital era conhecida desde a Idade Média e que, ainda hoje, se distingue no quadro da produção panificadora nacional: de atividade doméstica e artesanal, transformou-se em atividade empresarial e mecanizada, mas mantendo-se fiel aos princípios de origem que lhe conferem o seu cunho próprio.

 

Assim, para além da mostra e venda de pão de Mafra e das mais variadas especialidades gastronómicas regionais, disponíveis nas tradicionais “tasquinhas” e nas bancas das pastelarias locais, a 9.ª edição tem como novidades a oficina “Mão na massa”, convidando o público a confecionar pão de Mafra sob a orientação de padeiros locais. Também o denominado “Fórum do Pão” disponibiliza showcooking e degustações, estando ainda patente a exposição “A Dieta Mediterrânea”, que dá igualmente o mote para um colóquio.

 

Evidenciando a ligação ao universo rural, o evento integra a exposição e venda de artesanato e de produtos locais, a feira saloia, a exposição de veículos e alfaias agrícolas antigos, a par de atuações de ranchos folclóricos e atividades temáticas para crianças.

 

Unindo a tradição ao lazer, foi selecionado um cartaz musical diversificado, que conta com atuações, às 22 horas, de Yura Silva (5 de julho), 4Revival (6 de julho), “Top Genius” com Nuno Markl e Vasco Palmeirim (7 de julho), Bárbara Bandeira (9 de julho), Cupcake Mafia (10 de julho), Olavo Bilac (11 de julho), Tatanka (12 julho), Katia Guerreiro (13 de julho) e OLE – Orquestra Ligeira do Exército (14 de julho). Decorre, igualmente, no dia 8 de julho, às 18 horas, um Festival de Música Jovem e, às 22 horas, a Eleição da Miss Concelho de Mafra.

 

Com o objetivo de promover a sustentabilidade ambiental, esta edição do Festival do Pão caracteriza-se pela não utilização de plásticos de uso descartável e pela realização de várias ações no recinto: intervenção de equipas especializadas de educação ambiental, com vista ao aumento da reciclagem, direcionadas tanto para o público em geral, como para os expositores e trabalhadores do festival; ações de sensibilização sobre o impacto ambiental das diferentes escolhas, motivando a modificar comportamentos antes, durante e após o evento; disponibilização de contentorização para deposição seletiva de resíduos.

 

Programa completo

 

 

 

5ª Edição do Lagos Food Fest regressa já nos dias 11, 12, 13 e 14 de Julho

 

 

5ª Edição do Lagos Food Fest regressa ao Jardim da Constituíção de 11 a 14 de Julho, com mais conceitos de comida e actuações de Cuca Roseta, Toby One, Southkick Band e João Faísca. 


Depois do enorme sucesso das quatro edições anteriores, o festival regressa a Lagos com mais conceitos de comida e actuações de renome.

Dos típicos hamburguers às já famosas tostas de meio metro, passando por comida tailandesa e  mexicana, e uma grande aposta em comida vegan e vegetariana, a variedade de escolha vai ser, mais uma vez um dos grandes atractivos do festival. Caipirinhas, mojitos, sumos naturais e cerveja também não vão faltar!

Para facilitar a decisão de quem visitar, o Lagos Food Fest criou uma parceria com a Zomato - que recentemente chegou ao Algarve - e que terá, na sua aplicação, uma página dedicada ao evento. Aí poderá encontrar a listagem de todas as carrinhas participantes, assim como menus e preços. 

Os confirmados completam um total de vinte e sete marcas nacionais participantes e algunsinternacionais. 

Mas se a comida é uma boa desculpa para visitar o evento, a animação lança o mote para ficar. 
O recinto - aberto ao público e de entrada livre - terá duas zonas para crianças, com insufláveis e trampolins e para os mais velhos não vão faltar mesas de matraquilhos, photobooths e, claro, concertos. 

Depois de uma incrivel actuação em 2018, Toby One sobe ao palco a 11 de Julho para abrir o festival com um fenomenal set em Vinil (Strictly 45's) que promete durar até às 00h00. A 12 de Julho, Cuca Roseta sobe ao palco com a orquestra ligeira do exército pelas 22h, num espectáculo a não perder.  

Sábado, dia 13, é dia de receber os SouthKick Band, uma banda algarvia, inicialmente de covers que começa agora a dar os primeiros passos com originais e, no Domingo o Festival encerra em grande com um concerto de João Faísca, para uma noite bem animada. 

Situado no Jardim da Constituíção, na zona histórica da cidade de Lagos, o Lagos Food Fest é aberto ao público. O evento, organizado por Maria Nobre de Carvalho, da Eat.Drink.Discover em estreita parceria com a Câmara Municipal de Lagos, decorre nos dias 11, 12, 13 e 14 de Julho, das 12h00 às 00h00 e é já considerado um dos melhores eventos da cidade. 
 
Lagos Food Fest 2019
11, 12, 13 e 14 Julho 
12h00 às 00h00
Jardim da Constituíção, Lagos
Aberto ao Público - Entrada Livre

 

 

Areias e nozes de Cascais candidatas às 7 Maravilhas Doces de Portugal® - Votação em curso

 

 

A partir de ontem, 27 de junho, e durante os meses de julho e agosto, é possível votar para eleger as Areias e Nozes de Cascais como Maravilhas Doces de Portugal. A votação decorre em direto, ao longo de 20 programas a exibir pela RTP, sendo apurado um doce pré-finalista em cada um. A gala finalíssima decorre a 7 de setembro de 2019 e será transmitida pela RTP1 em horário nobre.

 

Selecionados por um painel de especialistas constituído por 140 personalidades, 7 de cada distrito e regiões autónomas, os doces de Cascais integram a lista final de 140 doces nomeados a partir de 907 candidaturas de todo o país

 

 

Uma seleção difícil que, na opinião de Luís Segadães, presidente das 7 Maravilhas ajuda a conhecer o país: “Se existisse uma pastelaria ou confeitaria em Portugal dedicada a confecionar a doçaria portuguesa mais representativa, de maior qualidade e com os sabores que fazem as nossas memórias ou que inovam com produtos da terra, seriam estes 140 doces que encontraríamos nas suas montras”, assegura.

 

Características da zona e muito procuradas localmente mas também a nível internacional, as Areias e Nozes de Cascais precisam, agora, do apoio do público, a quem se pede uma forte participação. Cascais tem cerca de 210 mil habitantes e milhares de embaixadores. Bastará uma chamada de cada um para fazer a diferença.

 

Para votar nas Areias de Cascais deve ligar-se 760 107 120 

Para votar nas Nozes de Cascais deve ligar-se 760 107 123 (As chamadas têm o custo de 0,60€ + IVA)

 

Os 140 doces vão estar a votação por parte do público em 20 programas a emitir em direto pela RTP durante o dia nos meses de julho e agosto. De cada programa na RTP sai um pré-finalista que passa às semifinais. Uma

novidade desta edição é a existência de um Grande Júri, órgão de deliberação constituído por 7 figuras do espaço mediático, que será responsável pela da repescagem de 8 candidatos que se irão juntar aos 20 pré-finalistas apurados pelo público, resultando numa lista de 28 pré-finalistas.

 

Os 28 pré-finalistas são divididos por sorteio pelas duas semifinais, nos dias 24 e 31 de agosto, dois programas em direto na RTP1, transmitidos em horário nobre. Em cada semifinal são apurados os 7 doces, aqueles que tenham mais votos contabilizados. Nesta fase os 7 elementos do Grande Júri assumem grande preponderância, comentando e provando os Doces.

 

A Gala Finalíssima decorre a 7 de setembro de 2019 e será transmitida pela RTP1, em horário nobre. Dos 14 finalistas apurados vão ser eleitos 7 doces pelos portugueses como 7 Maravilhas de Portugal®.

 

Durante os programas haverá ainda “um concurso dentro do concurso”. Fruto de uma parceria com o Turismo de Portugal, a lista de 140 doces vai servir de inspiração aos jovens candidatos à profissão de pasteleiro para a criar um doce, com 7 camadas, os 7 sabores mais representativos de Portugal. Uma forma forma de “estimular a criatividade e o gosto dos jovens cozinheiros por esta área, cada vez mais criativa e desafiante em Portugal”, acrescenta Luís Segadães.

 

 

Queijadas de Sintra e Fofos de Belas em votações para as 7 Maravilhas Doces de Portugal -

 

As Queijadas de Sintra e Fofos de Belas são dois dos 140 doces selecionados às 7 Maravilhas Doces de Portugal, que estão agora a votação pelo público.

 

Para votar nas Queijadas de Sintra ligue 760 107 126

 

Para votar nos Fofos de Belas ligue 760 107 121

 

Estes 140 doces vão ser votados pelo público em 20 programas de daytime, a emitir em direto pela RTP, com início a 2 de julho e terminam a 16 de agosto. De cada programa na RTP sai um pré-finalista que passa às semifinais.

 

Os 28 pré-finalistas são divididos por sorteio pelas duas semifinais, nos dias 24 e 31 de agosto, em cada semifinal são apurados os 7 doces, aqueles que tenham mais votos contabilizados.

 

A Gala Final decorre a 7 de setembro na RTP1, em horário nobre e dos 14 finalistas apurados vão ser eleitos 7 doces pelos portugueses como 7 Maravilhas de Portugal®.

 

Recorde-se que a organização recebeu 907 candidaturas, num envolvimento sem precedentes de todo o país.

 

Mais informações em https://7maravilhas.pt/

 

 

8.º Festival da Truta - inscrições abertas até dia 3 de julho

 

Como forma de promover as afamadas Trutas do Rio Paiva, o Município de Vila Nova de Paiva irá realizar o oitavo Festival da Truta que terá lugar nos dias 12 a 14 de julho, na Praia Fluvial de Fráguas (Vila Nova de Paiva).

 

No dia 12 as ações destinam-se ao repovoamentos dos rios, o dia 13 de julho é dedicado à pesca livre no rio.

 

No dia 14 de julho de julho há muita animação: feira de produtos de pesca, gastronómicos e de artesanato, encerramento das atividades séniores"Mais Desporto Mais Saúde" (jogos desportivos | almoço-convívio) , exposição do Concurso de fotografia e realização de um concurso ao vivo de pintura intitulado "Pintar o Paiva".

 

Do programa também faz parte a apreciação de alguns produtos regionais nos  Restaurantes e tasquinhas gastronómicas, a atuação do Grupo de Concertinas "Diatónicos" , do Grupo Folclórico e Etnográfico de Vila Cova à Coelheira e do grande artista "Canário".

 

Durante todo o fim de semana aTruta será rainha nos restaurantes aderentes ao fim de semana gastronómico "Sabores da época em Terras do Demo - Truta" .
 

As inscrições para os expositores de produtos de pesca , gastronómicos e de artesanato está aberta até ás 17h de dia 03 de julho ou até atingirmos o n.º máximo de participantes.
 
 

 

 

Para mais informações, deve contatar o Posto de Turismo | Loja TERRAS pelo 232 609 900, de 3.ª a sábado das 10h às 12h30 e das 14h às 17h, ou via e-mail para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. .

 

Periodicidade Diária

terça-feira, 7 de julho de 2020 – 16:40:54

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...