15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

D. José Ornelas preside à Peregrinação Internacional Aniversária de Outubro

 

 

Bispo de Setúbal e presidente da Conferência Episcopal Portuguesa assumirá a presidência da última peregrinação aniversária de 2020

 

D. José Ornelas, bispo de Setúbal e presidente da Conferência Episcopal Portuguesa vai presidir à Peregrinação Internacional de 12 e 13 de Outubro, que assinala a última Aparição de Nossa Senhora aos Pastorinhos.

O prelado foi o convidado do podcast #FátimanoséculoXXI de julho passado, onde perspetivou Fátima como lugar onde “Maria revela a dimensão materna da Igreja”.

 

“Há cem anos Maria, quando se apresentou aos Pastorinhos, fê-lo numa época difícil, num contexto de pandemia, que até vitimou dois deles. Hoje, Maria continua a revelar-se novamente como modelo”, afirmou, na entrevista.

D. José Ornelas Carvalho nasceu a 5 de Janeiro de 1954, no Porto da Cruz, Madeira. Depois de frequentar o Seminário Menor Diocesano do Funchal, ingressou no Colégio Missionário da Congregação dos Sacerdotes do Coração de Jesus (Dehonianos), no Funchal, prosseguindo depois os estudos no Instituto Missionário, em Coimbra. Após dois anos de estudos filosóficos, passou dois anos nas missões da Congregação em Moçambique, regressando a Lisboa para concluir a Licenciatura em Teologia, na Universidade Católica Portuguesa. Especializou-se em Ciências Bíblicas, em Roma e Jerusalém, concluindo com a Licenciatura Canónica no Pontifício Instituto Bíblico de Roma.

Após a sua ordenação presbiteral, a 9 de agosto de 1981, D. José Ornelas leccionou na Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa, atividade que interrompeu  para preparar o doutoramento em Roma e na Alemanha. Em 1997, obteve o grau de doutor em Teologia Bíblica pela Universidade Católica Portuguesa, instituição onde retomou as atividades docentes até 2003. Foi formador no Seminário de Alfragide e assumiu outros cargos no âmbito da Província Portuguesa da Congregação dos Sacerdotes do sagrado Coração de Jesus, da qual se tornou Superior Provincial no ano 2000. No Capítulo Geral da Congregação, foi eleito Superior Geral dos Dehonianos entre 2003 e 2015.

 

Foi nomeado bispo da Diocese de Setúbal pelo Papa Francisco a 24 de Agosto de 2015, tendo sido ordenado e tomado posse a 25 de outubro desse mesmo ano, na Catedral diocesana.

 

A 16 de junho deste ano, D. José Ornelas foi eleito presidente da Conferência Episcopal Portuguesa para o triénio 2020/2023, sucedendo no cargo a D. Manuel Clemente.

 

A Peregrinação Internacional Aniversária de Outubro celebra a sexta aparição de Nossa Senhora aos Videntes, na Cova da Iria, em 1917, onde estiveram entre 50 a 70 mil peregrinos (foto acima). Nesta aparição, Nossa Senhora anunciou aos videntes o fim da guerra, deixou apelos à conversão, à reparação e à oração do Rosário, segundo ose lê no relato que Lúcia de Jesus deixou no seu livro de memórias. Foi nesta data que também aconteceu o “milagre do sol”, um sinal que a “Senhora vestida de branco” havia referido nas aparições anteriores. O relato do dia e de “como o sol bailou ao meio dia em Fátima” fez inclusive a primeira página do jornal “O Século”, num artigo assinado pelo jornalista Avelino de Almeida.

 

As celebrações da Peregrinação Internacional Aniversária terão interpretação em língua gestual portuguesa (LGP), nas transmissões em direto pelos canais do Santuário – Youtube e Facebook – e nas da RTP e TVI.

 

Presidências das grandes peregrinações de 2020 alteradas devido à conjuntura mundial

 

Para esta última grande peregrinação do ano o Santuário endereçara o convite ao arcebispo metropolita do Panamá, D. José Domingo Ulloa, que não pode marcar presença na Cova da Iria devido à conjuntura mundial.

 

Em carta enviada ao cardeal D. António Marto, bispo de Leiria Fátima, no início deste mês de setembro, o arcebispo do Panamá justifica a impossibilidade da sua presença em Fátima com os constrangimentos derivados das medidas de controle da pandemia que o seu país se viu obrigado a implementar e que limitam a mobilidade para o estrangeiro, ao mesmo tempo que deixa expresso o desejo de poder regressar à Cova da Iria já em 2021.

 

“Elevamos as nossas orações por Sua Eminência, pela Reitoria do Santuário de Fátima, pelos fiéis de Portugal e pela próxima Jornada da Juventude em Portugal, para que a nossa Mãe do Céu nos acompanhe permanentemente para que nos possamos voltar a reunir muito em breve", escreve o prelado, na carta, onde lembra a sua presença na Cova da Iria como peregrino, em março de 2019.

 

O arcebispo metropolitano do Panamá foi um dos grandes entusiastas da deslocação da Imagem número 1 da Virgem Peregrina de Fátima ao Panamá, aquando da última Jornada Mundial da Juventude, de que foi coordenador. Lidera a arquidiocese desde 2010.

 

 

Periodicidade Diária

segunda-feira, 30 de novembro de 2020 – 08:15:08

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...