"Pela Saúde e pelo Ambiente, na Luta contra o Cancro da Mama" em Altura

 

 

Um pequeno grupo de pessoas reuniu-se ontem para uma caminhada em Altura, no âmbito do mês da prevenção e luta contra o cancro da mama.

 

 

A iniciativa distingue-se também pela promoção de uma maior consciencialização ambiental, aproveitando-se o percurso para a limpeza das bermas. Este movimento pelo ambiente nasceu de um grupo informal, que deseja um Castro Marim + LIMPO, e as ações têm sido prontamente apoiadas pela Câmara Municipal de Castro Marim e pela Junta de Freguesia de Altura.

 

Pode juntar-se às próximas iniciativas em https://www.facebook.com/Movimento-Castro-Marim-LIMPO-106113754169533/.

 

 

Atendendo ao atual cenário de Pandemia pelo Coronavírus - COVID-19, foram cumpridas todas as medidas de higiene e segurança durante a caminhada, de modo a minimizar os riscos de contágio e seguindo as indicações da DGS.

 

O médico e autarca do Município de Castro Marim, Francisco Amaral, aproveita a ocasião para lembrar que o cancro não pode ser secundarizado face à pandemia, referindo as “falhas gravíssimas na operacionalização dos cuidados de saúde” que têm decorrido ao longo do último ano e que têm conduzido a que haja diagnósticos que não são feitos, ou a um atraso significativo dos mesmos. “A luta contra o cancro é uma corrida contra o tempo e estes atrasos diminuem significativamente a taxa de sucesso das terapêuticas. Estamos a assistir a um aumento da mortalidade relacionada com o cancro, enquanto a situação não for corrigida”, sublinhou o autarca, acrescentando que, até à data, centenas de casos de cancro da mama não foram diagnosticados, consequência da paragem de rastreios e do cancelamento de consultas. 

 

 

 

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...