15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Luís Faria e Gonçalo Falcão mais perto do quadro principal do M25 Vale do Lobo Open

 

Luís Faria e Gonçalo Falcão são os tenistas portugueses apurados para a terceira e última ronda do qualifying do Vale do Lobo Open, torneio internacional masculino de 25 mil dólares que a Premier Sports e a Federação Portuguesa de Ténis organizam na Vale do Lobo Tennis Academy, em Loulé.

 

 

Número 807 ATP, Luís Faria derrotou o britânico Max Andrews, por 7-5 e 7-6(5), para confirmar o estatuto de sétimo cabeça de série e avançar para a derradeira ronda da fase de qualificação.

 

A separá-lo do quadro principal, o jogador natural de Guimarães tem o croata Duje Ajdukovic, primeiro favorito, que superou Pedro Araújo (6-4 e 6-3).

 

 

Por sua vez, Gonçalo Falcão (que aos 32 anos ocupa a 1308.ª posição na tabela mundial) levou a melhor no duelo 100% português com Francisco Cabral (número 1190.º e 12.º cabeça de série), com os parciais de 6-4 e 6-2, e vai enfrentar João Lucas Reis da Silva.

 

O tenista brasileiro, quarto pré-designado do qualifying, já colocou um ponto final nas prestações de dois portugueses: no domingo derrotou Guilherme Sousa Severin e esta segunda-feira impôs-se no encontro com Paulo Fernandes (6-1 e 6-4).

 

Ainda na jornada desta segunda-feira foram afastados Manuel Gonçalves (6-1 e 6-2 para o brasileiro Wilson Leite, terceiro cabeça de série), Afonso Salgado (que perdeu por 6-0 e 6-0 com o segundo, Mariano Kestelboim) e Diogo Alves (6-2 e 6-2 favoráveis a Matteo Arnaldi, 11.º pré-designado).

 

Quarteto português com “sorte” conhecida no quadro principal

 

Logo pela manhã foi sorteado o quadro principal de singulares, para o qual foram convidados quatro jogadores portugueses: Gastão Elias(441.º), Nuno Borges (458.º), Tiago Cação (536.º) e o algarvio Tomás Luís, vice-campeão nacional de sub 18 e 1862.º ATP.

 

Quer Elias, quer Luís terão de esperar pelo desfecho do “qualifying” para conhecerem os primeiros adversários, pelo que só irão a jogo na quarta-feira.

 

Já Borges e Cação, defrontam cabeças de série e entram em ação já esta terça-feira: o maiato (que tem duas finais ganhas em quatro disputadas nos cinco ITFs que realizou esta época) vai medir forças com o norte-americano Alexander Ritschard (quarto favorito e número 301 ATP), enquanto o penichense desafia Viktor Durasovic, norueguês que é o oitavo cabeça de série fruto do 343.º lugar na classificação mundial

 

Em pares, há quatro duplas portuguesas presentes no quadro: Nuno Borges/Francisco Cabral entraram diretamente e defendem o estatuto de quartos cabeças de série, enquanto Gonçalo Falcão/Luís Faria, Fred Gil/Fábio Coelho e Manuel Gonçalves/Hugo Maia ficaram com os três wild cards.

 

A jornada de terça-feira começará às 9 horas, com os últimos encontros do qualifying, e prossegue com os primeiros encontros dos quadros principais de singulares e pares.

 

Texto e Fotos: Gaspar Ribeiro Lança

 

 

 

Periodicidade Diária

segunda-feira, 30 de novembro de 2020 – 08:28:44

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...