18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Campeonato Placard Andebol 1: Avancanenses regressam às vitórias na receção ao Vitória FC

Artística de Avanca Bioria quebra ciclo jogos sem vencer, ao passo que sadinos somam 13.º desaire; Sporting CP e SL Benfica voltam a vencer.
A Jornada 19 arrancou em Vila Nova de Gaia, com o Sporting CP a vencer o FC Gaia Empril por 23-36. Depois de uma entrada ‘à Leão’ (1-5), os comandados de Ricardo Costa chegaram ao intervalo com cinco golos de vantagem (12-17) e somaram a décima nona vitória em outros tantos jogos. À mesma hora, na cidade berço de Portugal, o Vitória SC recebeu o Marítimo Madeira Andebol SAD e até foram os vimarenenses a entrar mais fortes, com o marcador a assinalar 8-4 à passagem do minuto 13′, mas os insulares reagiram (9-9) e alcançaram o comando do marcador antes do intervalo (15-16), para no final sorrirem por 28-33.
 
Artística de Avanca Bioria – Vitória FC
O Jogo da Semana colocou duas equipas vindas de uma série negativa frente-a-frente, a verdadeira luta pelo regresso aos triunfos. De um lado a Artística de Avanca Bioria, que havia conquistado a última vitória a contar para o Campeonato Placard Andebol 1 a 25 de novembro de 2023, na deslocação ao terreno do FC Gaia Empril e, desde então, o registo conta quatro derrotas e um empate; Do outro lado, o Vitória FC que apenas venceu um jogo desde o início da época, curiosamente, frente à Artística de Avanca Bioria a 14 de outubro e, desde então foram 12 os resultados negativos. Com o orgulho ferido, avancanenses e sadinos procuravam regressar às vitórias.
 
Foi a formação da casa a entrar melhor, com Diogo Coelho a abrir e fechar um parcial de 4-0 em apenas cinco minutos. Um período de superioridade numérica e com a decisão em mãos, Cláudio Pedroso não hesitou e quebrou o gelo ao fazer o primeiro golo sadino e, ainda em vantagem numérica, Pedro Tonicher reduziu com golo de baliza a baliza (4-2). A Artística de Avanca Bioria aumentou a diferença para três (5-2) através de Gonçalo Silva mas o Vitória FC reduziu na sequência, a história do jogo escreveu-se entre os dois e três golos de vantagem até, sensivelmente, meio do primeiro tempo.
 
Reylan Gonzalez, Lourenço Santos e André Lima foram os autores de um parcial de 3-0 que levou o Pavilhão Comendador Adelino Dias Costa ao rubro e disparou a diferença para cinco (11-6), obrigando Luís Monteiro a parar o encontro… pela primeira vez. Após a paragem, os comandados de Rafael Ribeiro seguiram superiores e voltaram a concretizar três golos, concedendo apenas um. A boa exibição defensiva, aliada na prestação do guardião Bruno Lima foram cruciais para que a vantagem passasse a ser de sete golos (14-7). O técnico sadino voltou a levar o cartão verde à mesa, a menos de cinco minutos do descanso, e a história escreveu-se precisamente ao contrário com um golo de Nuno Roque e um bis de Cláudio Pedroso, contra apenas um golo avancanense, valeram uma redução na desvantagem para cinco, antes da recolha para os balneários.
 
Intervalo: 15-10
 
O regresso do descanso, trouxe a mesma ambição do lado da Artística de Avanca Bioria, que se refletiu – à semelhança do que aconteceu no arranque do encontro – num parcial de 4-0 e uma inédita vantagem de nove golos (19-10). O ‘homem golo’ do Vitória FC, Cláudio Pedroso, bisou novamente e reduziu para sete. Os avancanenses voltaram a conquistar os nove golos de diferença mas um bom momento sadino, com a ajuda de Pedro Tonicher entre os postes, refletiu-se num parcial de 0-3 (21-15) que trouxe alguma esperança aos forasteiros.
 
No entanto a história complicou-se para o Vitória FC com a desqualificação de Rúben Calunga, após falta sobre Felippe Teixeira, a cerca de 15 minutos do término do encontro, quando o marcador assinalava oito golos de diferença (25-17). Edmilson Ribeiro foi o protagonista da marca da dezena (27-17) e as ambições do Vitória FC iam desvanecendo, ao passo que os locais seguiam motivados e impulsionados pelo seu público, na tarde de regresso aos triunfos para a Artística de Avanca Bioria.
 
Resultado Final: 33-25
 
O CF Os Belenenses foi conquistar três importantes pontos para garantir o Grupo B, frente ao Póvoa AC Bodegão Grupo CCR por 26-31 e tem, nesta altura, 33 pontos, a apenas um de Vitória SC que é sétimo. Ao passo que os poveiros viram a Artística de Avanca Bioria igualar o número de pontos (28) ainda que os avancanenses permaneçam no décimo posto.
 
Já o SL Benfica voltou a vencer, desta vez na receção ao Águas Santas Milaneza que, com o triunfo do Marítimo Madeira Andebol SAD em Guimarães, caem para a sexta posição, com 40 pontos, menos um que os insulares.
 
Ronda 19 do Campeonato Placard Andebol 1 só termina este domingo, com o embate entre FC Porto e ABC UMinho no Dragão Arena às 15h00, jogo que conta com transmissão em direto no Porto Canal.
 
Calendário – Campeonato Placard Andebol 1
Fase Regular – 19ª Jornada
24.02.2024 – 15h00 – FC Gaia Empril x Sporting CP, 23-36 (12-17)
24.02.2024 – 15h00 – Vitória SC x Marítimo Madeira Andebol SAD, 28-33 (15-16)
24.02.2024 – 18h00 – Artística de Avanca Bioria x Vitória FC, 33-25 (15-10)
24.02.2024 – 18h30 – Póvoa AC Bodegão Grupo CCR x CF Os Belenenses, 26-31 (11-14)
24.02.2024 – 19h00 – SL Benfica x Águas Santas Milaneza, 33-26 (16-15)
25.02.2024 – 15h00 – FC Porto x ABC UMinho, Porto Canal / andeboltv (diferido às 16h30)
 

Periodicidade Diária

quinta-feira, 25 de abril de 2024 – 07:01:18

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...