18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Estoril CNV4 ... Chuva, Incerteza e boas corridas

- Ricardo Almeida salta do 5º posto da grelha para vencer nas TLC
- Alexandre Cabá dita ritmo e vence MOTO4. Lourenço Vicente é o mais forte nas MOTO5
- Macuá domina Copa Dunlop Motoval com pole, vitória à geral e na CDM2.
- Aguiar vence entre as CDM1
- Ricardo Marinho sem oposição das SBK e Gonçalo Ribeiro leva de vencida nas STK
- Dinis Borges sobe ao mais alto do pódio nas SSP300 depois de domínio total.
 
foto: @kezman.photography
TROFÉU TLC + NAKED BIKES
Ricardo Almeida salta do 5º posto da grelha para vencer Corrida.
 
Condições adversas com muita chuva no Estoril a ditar o cenário para o primeiro de dois dias de competição no regresso do CNV. Entre os homens dos Trofréus TLC e Naked Bikes, o destaque foi para a Pole de Frédèric Bottoglierri (TNB2), a impor a sua Triumph SDT765RS ao pelotão cumprindo a volta mais rápida em 2:09.113s e sendo também o mais forte entre as TNB2. Ao seu lado Raul Felgueiras que colocou a sua Yamaha R6 no 2º posto à geral, sendo o primeiro entre as LC SPORT. João Curva a alinhar também na primeira linha da grelha com a sua BMW S1000R sendo o mais forte entre as TNB1.
 
Semáforo aberto e a surpresa instalada com Ricardo Almeida a saltar para a liderança desde a primeira travagem para a curva 1 do Estoril tendo saído da 5º posição da grelha. No seu encalço Paulo Vicente e Luís Coelho. O homem da Pole viu-se relegado ao meio do pelotão tendo rodado quase sempre na 13º posição fruto do arranque falhado. Com diferenças a rondar os dois segundos entre 1º e 2º, Almeida rodou sempre tranquilo e com fraca oposição dos restantes contendores até à axadrezada para assinar a primeira vitória do fim-de-semana e foi o mais forte entre as TNB1. Paulo Vicente e Luís Franco foram os homens a subir ao intermédio e mais baixo do pódio respetivamente com posições iguais nas TNB1.
 
Uma nota para Frédèric Bottoglieri que partindo da Pole, se via na 22º posição à geral no final da 1ª volta. O homem da Tirumph encetaria então uma corrida de trás para a frente subindo paulatinamente no pelotão ao longo das 10 voltas ao Estoril até se fixar no 13º posto à geral onde terminou, tendo sido 4º entre as TNB2.
 
Daniel Coelho seria 4ª à geral e o melhor entre as TNB2. Na classe Open, Carlos Pinheiro era o vencedor com o 8º posto à geral com Raul Felgueiras na sua roda e o melhor entre as LC SPORT. Manuel Fonseca único piloto na classe LC SS foi 19º e o solitário André Capitão (SBK), não terminaria a prova.
foto: @kezman.photography
CNV85/MOTO4 + MIR MOTO 5
Alexandre Cabá dita ritmo e vence MOTO4
Lourenço Vicente é o mais forte na MOTO5
 
Alexandre Cabá com o mesmo ritmo dominante de toda a época regressou ao Estoril para voltar a impor o melhor tempo (2:27.847s) e a ser o mais forte nas MOTO4, classe na qual só conta com a oposição de Tiago Martins que fez o 3º tempo à geral. Entre as MOTO5 e a arrancar o 2º tempo à geral, Lourenço Vicente.
 
O sábado não seria de feição para o jovem Tiago Martins, que sofria uma queda na curva 2 da volta de reconhecimento e se via afastado da prova mesmo antes de esta começar. Partida sem chuva, mas com pista molhada para 10 voltas ao Estoril, com Cabá a assumir as despesas da corrida desde o primeiro metro, mas tendo na sua roda Lourenço Vicente e que liderava entre os homens da MOTO5 com João Freire e Tomás Carneiro a discutir a 3ª posição à geral.
 
Sem alterações até final, Cabá vence a primeira corrida do fim-de-semana, sendo também o melhor entre os MOTO4. Lourenço Vicente é 2º à geral a mais de 3s de Cabá e o vencedor entre as MOTO5, seguido de Tomás Carneiro (MOTO5). Guilherme Moreira seria o 4º à geral e fecha o TOP3 das MOTO5.
foto: @kezman.photography
COPA DUNLOP MOTOVAL
Macuá domina com pole, vitória à geral e na CDM2
Aguiar vence entre as CDM1
 
Copa Dunlop Motoval a ser a quarta prova da tarde e com emoção em pista. Ruben Macuá assinou a volta mais rápida com 2:07.69s assegurando mais uma Pole para o seu palmarés. Ao seu lado, Rafael Ribeiro e Alexandre Suati a partilhara a primeira linha da grelha. Sem grande dificuldade, Macuá levou a sua GSXR à vitória liderando de início a fim deixando as lutas para os seus perseguidores.
 
Nelson Cruz, Bernardo Aguiar e Ricardo Rodrigues seriam o centro das atenções na luta pelo intermédio e mais baixo do pódio com vantagem para Cruz que seria 2º à geral a mais de 10s de Macuá. Mais disputada foi a luta pelo 3º à geral com o homem do Team Motoclube Loulé, Bernardo Aguiar a lograr segurar a posição face a Rodrigues que terminou na 4ª posição e na roda de Aguiar.
 
Por classes na CDM1, Bernardo Aguiar vence com Ricardo Rodrigues e Manuel Junqueiro (6º à geral) a fechar TOP3. Macuá vence na CDM2 com Nelson Cruz e Carlos Oliveira (7º à geral), a serem 2º e 3º respetivamente.
foto: @kezman.photography
CNV SUPERBIKE + CNV SUPERSTOCK 600
Ricardo Marinho sem oposição das SBK
Gonçalo Ribeiro leva de vencida nas STK
 
Já com o sol a refletir os tons de Outono no traçado do Estoril, as Superbikes e Superstock alinhavam na grelha para mais uma corrida do fim-de-semana desportivo. Ricardo Marinho assegurou a Pole com 2:08.378s com a sua Honda CBR 1000 sendo também o melhor entre as SBK. Romeu Leite (SBK) seria segundo à geral. Com o 3º tempo a primeira moto das STK, a Yamaha R6 de Gonçalo Ribeiro. Miguel Romão e João Rego (ambos SBK), não alinhariam.
 
Partida limpa com Ricardo Marinho a assumir as despesas da corrida. Com uma condução limpa num traçado já seco, o piloto RL Performance 58 foi aumentando distâncias para Romeu Leite e a 3 voltas do final, Marinho já tinha aberto um fosso de mais de 12s para o seu rival. Bastante mais animada a batalha pelo 3º posto á geral entre dois homens das STK, Gonçalo Ribeiro e Tomás Silva.
 
Na axadrezada, Marinho vence à geral e é o melhor entre as SBK. Leite fica com o intermédio do pódio sendo também 2º entre as SBK. Ao pódio, subiria ainda Tomás Silva como 3º classificado à geral e sendo o melhor das STK.
 
José Gafenho, 5º à geral fechava o TOP3 das SBK. Gonçalo Ribeiro por seu lado fechava TOP# das STK sendo 4º à geral.
foto: @kezman.photography
CNV SUPERSPORT 300
Borges sobe ao mais alto do pódio depois de domínio total.
 
Última corrida do dia na sempre animada SSP300. O piloto da Rame Moto Racing, Dinis Borges seria a figura principal do dia. Depois de conquistar a Pole com 1:59.501s deixando os seus rivais a mais de 2s de distância nos cronometrados, Borges lideraria de início a fim sem oposição. Uma corrida tranquila para o jovem piloto que cruzou a linha de meta com mais de 25s de vantagem sobre Martim Jesus.
 
O homem do Team Motoclube Loulé, já tinha garantido o 2º tempo nos cronometrados e dado do domínio de Borges, apontava a sua Kawasaky 400 para o intermédio do pódio. Mas não foi tarefa fácil já que Jesus para assegurar a 2º posição à geral teve que lidar com a forte oposição de Vasco Camoesas que terminaria efetivamente na 3ª posição a escassos 0.128s. Luta renhida pelos degraus do pódio como habitualmente nesta categoria.

Periodicidade Diária

domingo, 16 de junho de 2024 – 05:55:27

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...