18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Campeões nacionais de Voleibol

O Clube Atlântico da Madalena (CAM) sagrou-se campeão nacional da II Divisão – masculinos ao terminar em 1.º lugar a Série dos Primeiros e regressou assim à I Divisão Nacional, que tinha disputado pela última vez em 2016/2017. [Imagem: JFM]
 
Apesar de ter festejado a subida ao escalão principal este fim-de-semana, no seu recinto, com um triunfo diante do SC Caldas (3-0: 25-22, 25-12, 22-25 e 25-22), o CAM tinha assegurado já o primeiro lugar ao vencer (3-0) o Santa Cruz, na Madeira, a duas jornadas do fim da Série dos Primeiros.
A Associação Avense 78 dominou totalmente o Campeonato Nacional da II Divisão ao vencer todos os 30 jogos que disputou (20 na 1.ª Fase e 10 na Série dos Primeiros), tendo selado, em Gueifães, com mais um resultado pela margem máxima (3-0: 25-21, 25-18 e 25-23) o 1.º lugar na Série dos Primeiros e a ascensão à I Divisão Nacional, que integrará em 2024/2025.
 
Em 2022/2023, a Associação Avense 78 tinha conquistado, invicta, o título de campeã nacional da III Divisão de Seniores Femininos.
Em duas épocas, a formação avense só conheceu a derrota em jogos da Taça de Portugal.
AA Espinho/«Os Mochos», CD Póvoa e AA S. Mamede sagraram-se campeões nacionais de veteranos de 2023/2024, ao vencerem, respectivamente, as fases finais de Veteranos A – masculinos, Veteranos A – femininos e Veteranos B – masculinos disputadas no Pavilhão de Santa Maria Maior e no Pavilhão da Escola de Monserrate, em Viana do Castelo, numa organização da Federação Portuguesa de Voleibol (FPV), em colaboração com a Associação de Voleibol de Viana do Castelo e com o apoio da Câmara Municipal de V. Castelo. Mais informações brevemente na Volei TV.
 
A equipa de masculinos da AAE/«Os Mochos» (Veteranos A – [atletas com 35 anos ou mais]) – com Miguel Maia, João Brenha e Alexandre Afonso, entre outras glórias do Voleibol nacional – conseguiu revalidar os títulos alcançados em 2023 e 2022 ao vencer, na final, a Ala de Nun’Álvares de Gondomar pela margem máxima (3-0: 25-13, 25-23 e 25-7), depois de ter superado, igualmente pela diferença maior (3-0: 25-11, 25-20 e 25-16) o CD Póvoa.
Nos Veteranos B (+45 anos), a Associação Académica de S. Mamede revalidou o título rubricado em 2023 ao vencer, na final, a Ala de Nun’Álvares de Gondomar por 3-1 (25-23, 23-25, 25-17 e 25-20).
No caminho para o título, os academistas venceram as formações de Mondim Associação de Voleibol (3-0: 25-14, 25-15 e 25-22) e Vólei Clube de Braga (3-0: 25-21, 25-15 e 25-7).
Em femininos, o Clube Desportivo da Póvoa conquistou o título de Veteranas A (+35 anos) ao vencer (3-0: 25-23, 25-20 e 25-10) na final a campeã de 2023, a Associação Desportiva e Cultural de Perre, depois de no percurso para o jogo decisivo ter derrotado, sucessivamente, o PV 2014/Colégio Efanor (3-1: 25-9, 23-25, 25-19 e 25-15) e o Vólei Clube de Braga (3-0: 25-11, 25-19 e 25-23).
De referir ainda que foram entregues os Prémios Veteranos+ 2024, que distinguem os atletas mais velhos em competição.
Este ano receberam o prémio os seguintes atletas: Maria Guilhermina Gondim (VC Braga), Fernanda Castro (GC S. Tirso) e Paulo Augusto Rebelo (AA S. Mamede).
 

Periodicidade Diária

domingo, 16 de junho de 2024 – 06:36:04

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...